II Métodos em Pauta - Aracaju

Nosso segundo evento ocorreu na Universidade Federal de Sergipe (UFS) no dia 3 de dezembro de 2019. Na ocasião, discutimos com alunos de Relações Internacionais, Ciências Sociais e Serviço Social problemas de mensuração além de técnicas e métodos quantitativos e qualitativos.

Mesas e Palestras

  • Mesa 1: Democracia e políticas públicas
    Amanda Domingos (UFPE): Técnicas quantitativas e qualitativas de avaliação de políticas públicas
    Rodrigo Lins (UFS): Populismo autoritário
    Antônio Fernandes (UFPE): Mensuração de regimes autoritários
  • Mesa 2: Métodos, causalidade e Relações Internacionais
    Mariana Meneses (UFPE): Causalidade nas RI: yes, we can!
    Rodrigo Albuquerque (UFS): (In)Consciência Metodológica: por que precisamos de métodos nas Relações Internacionais?
    Ian Batista (UFPE): Estudos observacionais e desenho de pesquisa nas Relações Internacionais
  • Mesa 3: Métodos, eleições e corrupção.
    Denisson Silva (UFMG): Data Science e estudos eleitorais
    Willber Nascimento (UFPE): Melhorando a descrição nos estudos eleitorais
    Matheus Cunha (UFPE): Corrupção Política: onde está a causalidade que eu deixei aqui?
  • Mesa 4: Para além da estatística
    Virgínia Rocha (UFPE): Entrevistas semiestruturadas
    Edmundo Machado Jr. (UFS): Perícia antropológica via etnografia
    Marcus Torres (UFPE): Métodos mistos nas Ciências Sociais
  • Mesa 5: Transparência e replicabilidade
    Amanda Domingos (UFPE): Sete razões por quê: um guia de usuários para transparência e replicabilidade
    Rodrigo Lins (UFS): Princípios e práticas para uma ciência transparente
    Ian Batista (UFPE): Protocolo TIER.